Adeus 2016. Olá 2017!

A área de Recursos Humanos está em permanente transformação. Na Neves de Almeida | HR Consulting asseguramos as best pratices para ajudarmos os nossos clientes a manterem as suas equipas motivadas e focadas nos seus objetivos

É por isso que, ao longo deste ano, abordámos diferentes perspetivas sobre algumas das principais tendências desta área, da qual somos especialistas há 25 anos.

Primeiro, começámos por demonstrar que o digital está a transformar não só os negócios como, também, a forma como se trabalha e se gerem pessoas.  As comunidades sociais ganharam um impacto crescente enquanto plataformas de trabalho colaborativo. Começámos a ouvir falar de  Apps, de Gamification e da Cloud. No entanto, estas novas oportunidades que o digital proporciona, apesar do seu imenso potencial, obrigam a esforços adicionais por parte da gestão de pessoas, de forma a que não se perca o contacto humano e para que não existam generation gaps e “dinossauros tecnológicos”.

Por sua vez, a democratização do digital levou a que fosse possível fazer uma maior personalização da mensagem. Como tal, tornou-se fundamental fazer uma adequação das práticas de Recursos Humanos às individualidades de cada colaborador. Compreender o que move os nossos colaboradores, permite criar oportunidades de desenvolvimento, motivação adicional e, também, encontrar novo Talento.

Este tema está intrinsecamente relacionado com o employer branding, e com a incontornável necessidade do departamento de Recursos Humanos, e a própria empresa/marca, deve aprender e atuar como o Marketing. Tal como Marketing procura “seduzir” os clientes e potenciais clientes, também a organização deve preocupar-se em tornar-se atrativa para novo Talento. Esta preocupação tem de ser constante e começar por dentro – os atuais colaboradores são os principais embaixadores da sua marca.  As condições remuneratórias, per si, já não são hoje em dia um fator de captação e retenção de talento

É possível verificar que existem muitas mais tendências relacionadas com a área de gestão de pessoas, e que muitas novas surgirão e começarão a ser implementadas. Mas, para que a sua organização esteja preparada para assimilar estas tendências e implementá-las, é preciso atuar em dois sentidos. Primeiro, deve formar os seus colaboradores, para garantir que estão preparados para as mudanças. Segundo, deve aferir se tem os recursos certos e ou se vale a pena reforçar a estrutura e procurar novo Talento.

Independentemente do que o ano de 2017 trouxer em novidades e best practices para a área de Recursos Humanos, uma coisa temos a certeza que não se vai alterar: tudo aquilo que uma organização investe no seu Talento, é-lhe retornado em produtividade e resultados a médio/longo prazo.

Esperamos que 2016 tenha sido um ano de muito sucesso para si e para a sua organização, e que 2017 lhe traga toda a motivação e determinação para alcançar os seus objetivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *