Negócios com Paixão | Body by Mimo e o acompanhamento online

Body by MimoQuantos de nós lutamos contra os teimosos quilinhos a mais? Tentamos ginásios, dietas e nada resulta porque nada se adequa ao nosso estilo de vida cada vez mais acelerado e com menos tempo. É por isso que, recentemente têm surgido vários projetos de acompanhamento online onde uma equipa qualificada consegue, à distância, dar o apoio necessário  (a nível nutricional, de exercício e de motivação) para que os objetivos de perda de peso, aumento muscular ou manutenção sejam conquistados. Foi assim que conhecemos o Body By Mimo, a empresa criada por João Mimoso que, após tantos anos apaixonado pela área, decidiu partilhar o seu conhecimento e ajudar tantos portugueses a conseguir o corpo que sonham. Mas como é que surgiu esta história de paixão? O João Mimoso contou-nos tudo em entrevista.

Conte-nos a história da sua paixão. Como começou este negócio?

Enquanto adolescente, debati-me com o problema de excesso de peso. Nunca chegou a ser verdadeiramente problemático, mas posso afirmar que fui um miúdo “um tanto ou quanto roliço”. No entanto, com o crescimento inerente ao avançar da idade e aos por causa dos primeiros amigos, veio o convívio desportivo, sendo que o basquetebol desde cedo se revelou uma paixão. Ajudou-me a melhorar a minha condição física e quanto praticava, mais queria descobrir sobre o corpo humano.“Como correr mais, como saltar mais, como aguentar mais, e porque é que resulta com este e com aquele não?!” E foram estas dúvidas que me fizeram ir em busca do conhecimento. Basicamente, li tudo o que podia e investiguei durante anos, coisa que ainda hoje faço.
Depois de entrar para a universidade com o intuito de estudar matemática aplicada, decidi seguir aquilo que me apaixonava de verdade. Segui a Licenciatura em Motricidade Humana e tirei o curso de Personal Trainer. Frequentei formações, palestras e colóquios. Os dogmas instalados nunca me cativaram ou fizeram muito sentido, pelo que comecei a escrever e a partilhar aquela que é a minha visão do exercício físico. Há mais de 10 anos que o faço e a verdade é que não me vejo a parar.

Algo que sempre me intrigou foi o facto de processos de emagrecimento serem “a preto e branco”, quando a vida é uma imensidão de côr, e como podemos ligar os dois. Todos estamos fartos de dietas e de ser privados de tudo o que gostamos, e essa nunca foi a minha visão. A minha visão é que não temos que comprometer o resultado com o estilo de vida ou, melhor, temos que arranjar soluções para encaixar um no outro. Foi essa visão que me fez estudar mais e mais e chegar até aqui. É esse o nosso trabalho e é isso que faz com que as pessoas nos sigam e é também essa a razão para termos tanta procura. Marcamos a diferença pela honestidade, simplicidade e realismo, não nos preocupando tanto com a vertente negócio, mas mais no longo prazo, em criar uma identidade sólida e credivel, o que felizmente tem acontecido. O conhecimento científico é a nossa base e daí partimos para tudo o resto, o que nos dá uma bagagem considerável no que toca a uma parte fundamental do processo: Adaptação. Não há nenhum segredo, nenhuma poção mágica, e somos transparentes em relação a isso. O trabalho dita leis e nada se consegue sem sair da zona de conforto, tal como nas outras áreas da vida. A verdade é que se transformou em algo que eu não esperava e galgou fronteiras, não estando já circunscrito a Portugal.

Qual o seu maior objetivo, no seu dia-a-dia, com os clientes?

O maior objectivo é apoiá-los em tudo. Ao contrário do que possa parecer, a parte nutricional e de treino não são o mais difícil nem o mais importante. Essas são partes onde a ciência dita o que fazemos e são claras. A diferença faz-se no apoio para qualquer situação, e por isso temos acompanhamento diário, onde tentamos dar o nosso melhor para adaptar tudo a qualquer eventualidade, ou mesmo ajudar em alguma vertente que não o treino ou nutrição, que são na verdade a base do negócio da transformação corporal. Saberem que está sempre alguém presente para dar um conselho ou apenas ouvir, é de extrema importância.

Como transmite a sua paixão à sua equipa?

Tentamos tirar o foco das receitas ou da facturação. Quando se trabalha neste ramo, e comigo em particular, a exigência é grande, para se marcar a diferença. Cada vez há mais pessoas a fazer este tipo de trabalho e nós podemos marcar a diferença pelo preço ou pela qualidade do serviço e das pessoas que o prestam. Escolhemos a segunda.
As pessoas são escolhidas pelo que podem representar para nós. Logo á partida, conhecem-me e sabem que este é o meu projecto de vida e que tem mais de 15 anos de investigação e credibilização por detrás. Depois, todos querem mostrar que podem ser úteis e ajudar a fazer a empresa crescer, o que o fará também crescer neste meio. Tudo isto acaba por resultar num ambiente produtivo, mas também descontraído e desprendido de tudo o que não seja acompanhar as pessoas.
Foco naquilo que interessa: Valor, credibilidade e conhecimento. O resto é uma consequência e não um objectivo em si mesmo.

Como lida com os erros/fracasso?

Lidamos com naturalidade. Felizmente, temos tido muito poucos que possam ser atribuídos exclusivamente a nós. Mas, neste tipo de processo, assumimos os erros e os fracassos das pessoas como nossos e lidamos com eles do único modo que pode resultar: Tentar perceber a causa que está inerente, o que se sentiu quando não apareceram os resultados, e seguimos em frente. Já não se pode fazer nada acerca do que aconteceu a não ser aprender a lição e ficar com ela na cabeça para tentar não repetir (o que se sente na altura, muitas vezes previne futuros deslizes). A vida é para a frente e é isso que defendemos com todos, clientes ou equipa.

Qual o conselho que dá a alguém que ainda não encontrou a sua paixão?

O meu conselho é que sintam. Vejam aquilo que os faz vibrar por dentro , e não se foquem na parte monetária. Aquilo que fariam na mesma, se não precisassem de dinheiro para nada. Para mim, sempre foi ajudar as pessoas e mudar a vida delas para melhor, do modo que sei e posso, e seria esta a minha actividade, mesmo que fosse multimilionário e o dinheiro não fizesse falta na minha vida. Faria exactamente o mesmo.
Comecei por entrar para a faculdade para Matemática Aplicada, com o foco em ter uma carreira de escritório, já pensada e definida… mas a verdade é que nunca foi essa a minha paixão.

Visite a página de Facebook de Body By Mimo e veja alguns dos casos de sucesso deste projeto, bem como dicas úteis de nutrição e fitness. Conhece algum Negócio com Paixão? Partilhe-o connosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *